Melhoramento genético de soja

Ano da safra: 2008/09 | Autor: Alberto Francisco Boldt

Com o objetivo de avaliar o desempenho de linhagens de soja do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) foram conduzidos 40 ensaios comparativos de linhagens nos municípios de Primavera do Leste, Pedra Preta e Lucas do Rio Verde. Em Primavera do Leste os ensaios foram conduzidos no Campo Experimental do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) e em Pedra Preta e Lucas do Rio Verde, nas fazendas Farroupilha (Serra da Petrovina) e Boa Esperança, respectivamente. As linhagens são originadas do programa de melhoramento da BS Genética e Melhoramento com sede em Rondonópolis MT. Foram realizados dois tipos de ensaios: Ensaio de Avaliação Final (VCU) e Ensaio de Avaliação Intermediária. Ambos constituídos por dois tipos de linhagens: convencionais e tolerantes ao glyphosate (RR). Cada ensaio foi constituído por 32 tratamentos (linhagens e variedades testemunhas). O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com três (3) repetições. A parcela experimental foi constituída por quatro (4) linhas de cinco (5) metros de comprimento, sendo a parcela útil composta por duas (2) fileiras centrais de quatro (4) metros. As características avaliadas nos ensaios foram: Altura de planta (cm), Altura de inserção da primeira vagem (cm), Cor da flor, Cor da pubescência, Míldio, Grau de acamamento, Haste verde, Dias para floração, Dias para Maturação e Produtividade (kg/ha). As linhagens avaliadas tiveram um bom comportamento nos ensaios, sendo superiores às testemunhas (variedade comerciais) e apresentaram características adequadas para o cultivo nas localidades onde foram avaliadas.

Relatório final: Resultados de pesquisa dos ensaios de melhoramento de soja, safra 2008/09

Relacionadas

IMAmt - Instituto Mato-Grossense do Algodão
Rua Engenheiro Edgard Prado Arze, 1777 - Ed. Cloves Vettorato - 2 andar Quadra 03 - Setor A - Centro Político Administrativo
CEP: 78049-015 - Telefone: (65) 3624-1840
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil