Lacen aumenta capacidade de testagem e realiza 2.300 testes por dia

Nesta semana, o Governo de Mato Grosso registrou aumento na capacidade de realização de testes diários RT-PCR, considerado o padrão-ouro no diagnóstico da Covid-19. O Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) passa a analisar 2.300 amostras por dia, registrando um crescimento diário de 1.600 análises laboratoriais.

O aumento foi possível graças à chegada dos equipamentos próprios adquiridos pela gestão estadual e à parceria entre a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) e o Instituto Mato-Grossense do Algodão (IMAmt). A união entre as instituições possibilitou o empréstimo de uma máquina, cedida em comodato, pelo IMAmt.

Atualmente, o Lacen conta com uma capacidade diária de análise de pelo menos 2.300 amostras suspeitas da Covid-19; o trabalho técnico é realizado em três turnos. Além do serviço laboratorial, o Estado disponibiliza 700 testagens por dia do Centro de Triagem da Covid-19, na Arena Pantanal, via teste rápido.

“Temos trabalhado para aumentar cada vez mais a capacidade de testagem da nossa população. Investimos em contratação de pessoal, automatização das atividades, dobramos os turnos, e fizemos a aquisição do equipamento que dobrará nossa capacidade. Acreditamos que logo devemos praticamente zerar as amostras em análise”, avaliou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

O Estado também dispõe de uma capacidade de distribuição de testes rápidos e PCR aos municípios, que leva em consideração 20 mil unidades para cada 100 mil habitantes. Dos 74.770 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 94% – ou seja, 70.870 – foram atestados por laboratórios credenciados.

Também é importante frisar que, além da atuação do Laboratório Estadual e do Centro de Triagem, a população mato-grossense conta com o trabalho de outras 55 unidades laboratoriais públicas e privadas credenciadas, que atuam em todo estado.

Amostras

O Painel Interativo atualizado pela SES na última sexta-feira (21) aponta que, em Mato Grosso, um total de 71.683 amostras já foram avaliadas exclusivamente pelo Lacen e que, atualmente, restam 852 amostras em análise laboratorial.

A média de testagem do Estado está em 2.115 testes PCR para cada 100 mil habitantes, quantitativo que equivale a mais do que o dobro da média nacional, estimada em 870 para cada 100 mil habitantes.

Relacionadas

IMAmt - Instituto Mato-Grossense do Algodão
Rua Engenheiro Edgard Prado Arze, 1777 - Ed. Cloves Vettorato - 2 andar Quadra 03 - Setor A - Centro Político Administrativo
CEP: 78049-015 - Telefone: (65) 3624-1840

Cuiabá - Mato Grosso - Brasil

English English Portuguese Portuguese Spanish Spanish